Previous Next

Uma das grandes funções do professorado é proliferar o conhecimento e a boa arte. Nós criticamos essa geração pelas músicas que ouvem, pelos livros que leem (ou nem leem), pelos “artistas” que admiram, mas eles apenas aderem esse tipo de arte pois não possuem referencial. Nunca ninguém apresentou-lhes Camões, Shakespeare, Schomberg, Handel, Machado de Assis, Cartola, Vinícius de Moraes, Carlos Drummond de Andrade, Caetano Veloso, dentre outros, de maneira efetiva e diferenciada, e, desta forma, sem perceber, eles vão caindo em um abismo de insensibilidade e ignorância. Sim! Pois uma das grandes funções da boa arte é sensibilizar, é ajudar a definir a nossa própria identidade, é nos libertar das amarras da caverna (citando Platão).
Há um texto genial do escritor Érico Veríssimo em que ele narra uma situação que viveu em sua infância. Ele conta que, certa vez, precisou segurar uma lâmpada para ajudar seu pai, que era farmacêutico, a costurar uma ferida de um homem que havia sido “carneado” por soldados tiranos. Ele diz que sentiu extrema náusea, mas que não desertou de seu posto. Após a narração, o autor faz uma analogia incrível, que deve nos inspirar cotidianamente, ele diz: “Desde que comecei a escrever romances, tem-me animado até hoje a ideia de que o menos que um artista pode fazer, numa época de atrocidades e injustiças como a nossa, é acender a sua lâmpada, trazer luz sobre a realidade de seu mundo, evitando que sobre ele caia a escuridão, propícia aos ladrões, aos assassinos e aos tiranos. Sim, segurar a lâmpada, a despeito da náusea e do horror. Se não tivermos uma lâmpada elétrica, acendamos nosso toco de vela ou, em último caso, risquemos fósforos repetidamente, como um sinal de que não desertamos nosso posto.”
O Jovens em Atuação vem desde 2019, como uma proposta de ação da Secretaria da Educação em parceria com a Fundação Educacional e Cultural Deodato Santana em que nossos alunos, dos anos iniciais e finais do ensino fundamental, têm a possibilidade de desenvolver suas habilidades artísticas em reuniões semanais por meio de orientação dos professores tutores e da participação de oficinas temáticas como, técnicas de palco, jogos teatrais e apreciação estética, além de pesquisar, discutir e entrar em contato com grandes nomes da dramaturgia mundial com a finalidade de participar do Festival de Teatro Estudantil.

Previous Next

O projeto Jovens em Ação contempla as dez escolas de ensino fundamental II do município de São Sebastião. Ele visa o protagonismo juvenil e fomenta a união estudantil como um dos pilares para a busca de uma melhora no aprendizado e na estrutura de nossas escolas.
O projeto inicia anualmente com a formação dos grêmios estudantis. É o órgão de representação da organização dos estudantes dentro da unidade escolar, o grêmio estudantil possibilita a exposição de ideias, reivindicações e anseios de maneira organizada e democrática. Sua atuação na escola deve ser incentivada, visto que é um veículo de formação para a cidadania e espaço de desenvolvimento social.
Para a divulgação das atividades desenvolvidas nas escolas os alunos do projeto cria a revista Inspira. Ela é um incentivador do protagonismo dos alunos: uma possibilidade de divulgar suas ações, reivindicações e propostas para suas escolas e bairros, integrando as unidades escolares em toda a extensão do município.
A política educacional vigente reconhece o caráter pedagógico das atividades dos grêmios, ao promoverem a aprendizagem de processos e experiências de vida, possibilitando aos jovens oportunidades de desenvolverem uma prática efetiva e construtiva da cidadania. Por isso, é muito importante que o aluno aprenda a participar organizadamente das atividades da sociedade, da comunidade e da escola.
Quanto mais estimularmos a colaboração e a solidariedade dentro da escola e em nossa comunidade, mais estaremos participando da construção de uma cidadania ativa, consciente e responsável.
O grêmio estudantil é uma das primeiras oportunidades que os jovens têm de participar da sociedade onde os alunos têm voz na administração da escola, apresentando suas ideias e opiniões. Ele deve procurar defender os interesses dos alunos, firmando, sempre que possível, uma parceria com todas as pessoas que participam da escola, trabalhando com os diretores, coordenadores e professores, atuando, assim, em benefício da escola e da comunidade. É a organização dos alunos da escola. Ele é formado por estudantes, que são responsáveis pelo desenvolvimento de atividades culturais, esportivas, sociais e de cidadania.
Além de desenvolver projetos em diversas áreas, os grupos colaboram também para a gestão das escolas, auxiliando diretores e coordenadores pedagógicos a aprimorar a gestão e o aprendizado em sala de aula.
A revista Inspira é o meio de comunicação dos grêmios nas mídias sociais, colaborando para fortalecer o sentimento de unidade entre as escolas municipais de São Sebastião.
O apoio da Secretaria Municipal da Educação aos grêmios objetiva desenvolver nos estudantes da rede pública o senso crítico e participativo, capacidade de liderança e engajamento nas atividades escolares e comunitárias. Desta forma, as ações de apoio aos grêmios têm como objetivo a realização de palestras de incentivo, esclarecimento e orientação para a criação do grêmio estudantil; realização de seminários e oficinas com lideranças estudantis e gestores escolares, para apoiar a criação e o fortalecimento do grêmio; encontro de grêmios estudantis; fomentar o protagonismo juvenil e a ação colaborativa dos grêmios estudantis.
Contribuir para aumentar a participação dos alunos nas atividades da escola, organizando campeonatos, palestras, projetos e discussões, fazendo com que eles tenham voz ativa e participem – junto com pais, funcionários, professores, coordenadores e diretores – da programação e da construção das regras dentro da escola. Todas essas ações serão divulgadas e registradas no Inspira, sempre ressaltando a autoria de alunos e alunas.

Curso de Linguagem de Programação e Robótica

A Base Nacional Comum Curricular trouxe diversas mudanças para a educação brasileira e uma delas é o importante foco na tecnologia das salas de aulas. As duas competências que trazem a tecnologia como ferramenta de desenvolvimento pedagógico e habilidades são: 

Competência 4:  Utilizar diferentes linguagens – verbal (oral ou visual-motora, como Libras, e escrita), corporal, visual, sonora e digital –, bem como conhecimentos das linguagens artística, matemática e científica, para se expressar e partilhar informações, experiências, ideias e sentimentos em diferentes contextos e produzir sentidos que levem ao entendimento mútuo.

 

Projeto Super "Ação"

“Cada indivíduo tem maneiras e tempos próprios na construção do conhecimento. Algumas crianças aprendem a ler e escrever de forma mais rápida e autônoma, enquanto outras necessitam de maior mediação do professor. A escola tem a responsabilidade de conhecer as formas de aprender dos seus alunos e de se organizar para garantir a todos uma educação de qualidade”.

Eliane Titon

1. JUSTIFICATIVA

Este projeto vem ao encontro da missão da Secretaria da Educação que é a de assegurar um ensino de qualidade, atendendo a diversidade em seu compromisso da democratização, desenvolvendo habilidades, competências e valores humanos que promovam a sustentabilidade e respeito à pluralidade cultural, possibilitando a todos os alunos o exercício de uma cidadania plena, por meio de uma educação com foco na aprendizagem, priorizando a garantia ao acesso, permanência e apropriação do conhecimento permeada pela gestão democrática.

Projeto de Educação para o Trânsito

1. TEMA

“EU MOTORISTA, EU PEDESTRE!”  .

2. JUSTIFICATIVA

O homem sempre teve necessidade de se deslocar de um lugar a outro em busca de alimentos, outros bens e serviços essenciais para sua vida.

Atualmente, nas cidades modernas, o trânsito representa um enorme dilema para a vida das pessoas, pois ao mesmo tempo em que ele permite o acesso a inúmeros locais onde são oferecidos serviços essenciais públicos, de uso e consumo, o trânsito também é uma enorme fonte de diversos males, como por exemplo: congestionamentos, poluição ambiental, acidentes e, ainda, problemas de convivência entre pessoas.

Página 1 de 4

Login Form

Confira nossa Agenda

Abril 2020
D S
1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30

Assine nossa Newsletter

 

 

© Secretaria Municipal de Educação de São Sebastião - 2019.

Confira nossa Agenda

Abril 2020
D S
1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30